A liderança pelo exemplo, mesmo que um mau exemplo.

Olá Amigos e Amigas do Sentido na Venda.

Você está se cuidando? Lembre-se de fazer isso por você e pelos seus. Se cuide!

Aproveite e baixe agora o nosso e-book 3 Ações Imediatas para Negociar Melhor, é só clicar no link para baixá-lo gratuitamente:

http://www.palestranteleonardolopes.com.br/lp/3-acoes-para-voce-negociar-melhor/

Está trabalhando em Home Office e não está conseguindo produzir o esperado? Baixe o nosso e-book 15 Dicas para Produtividade no Home Office, é só clicar no link para baixá-lo gratuitamente:

http://www.palestranteleonardolopes.com.br/lp/15-dicas-home-office/

Hoje o papo é com você que ocupa um cargo de Liderança Comercial na sua empresa.

Não precisa ser muito informado para perceber que estamos vivendo uma série crise de Liderança no nosso país. Muitos infelizmente estão confundindo Autoritarismo com Liderança. Para alguns, os conceitos podem ser iguais, mas preciso lhe dizer que não são.

Autoritarismo está intimamente ligado ao “mandar”, do famoso “manda quem pode, obedece quem tem juízo”. Um comandante autoritário não admite questionamentos, não admite contraditório, e vale-se da sua posição de comando para fazer valer a sua vontade, a sua visão.

Geralmente um comandante autoritário desconsidera opiniões divergentes e passa a considerar quem pensa diferente como um adversário, por vezes um inimigo.

Você que é Líder sabe, para liderar é preciso ter comando, firmeza, integridade, sabedoria, ética, respeito, empatia, e muitas outras habilidades.

Não, não dá para liderar ter um vasto rol de habilidades desenvolvidas e principalmente aplicadas exaustivamente com verdadeiro apreço por servir e desenvolver pessoas.

Sim, liderar é desenvolver pessoas, e não desenvolvemos pessoas a “ferro e fogo”, infelizmente isso ainda deixa marcas na sociedade, na relação patrão/empregado, na relação líder/liderado.

Rotineiramente escuto líderes reclamando de seus liderados. Sempre alegam a dificuldade em contratar e manter as pessoas nas suas empresas. Sempre reclamam dos resultados apresentados por estes liderados, como se os problemas de suas Equipes e Negócios fossem culpa exclusivamente das pessoas que compõem suas empresas e equipes.

Ao me deparar com esse tipo de pergunta, sempre devolvo perguntando “o que você tem feito para melhorar as suas pessoas?”. Muitos dizem que enviam os profissionais para treinamentos e palestras, aí eu pergunto “e o que mais?”. Já na segunda pergunta muitos líderes tem dificuldade para responder esta simples pergunta.

Pergunto ao líder então: “Você participou do treinamento ou da palestra com a sua equipe?”

Menos de 10% respondem que sim.

Pergunto a estes 10% que estiveram junto da sua equipe: “O que você e sua equipe aprenderam no treinamento/palestra? Do que aprenderam, o que já aplicaram?”

Geralmente esta pergunta é seguida por um silêncio sepulcral.

Mas por quê?

Porque muitos líderes acreditam pertencer a uma casta superior, que não precisa aprender, pois já sabe muito, e considera que se seus resultados não estão bons, a culpa é da equipe. O problema não sou eu, são eles.

Mas que pretensão! Acorda, esse tipo de comando não existe mais.

Sempre ouvimos que o exemplo do líder é importante para o desenvolvimento de pessoas, equipes e negócios. E isso vem de longe, lembremos do provérbio romano “À mulher de César não basta ser honesta, deve parecer honesta”.

Dessa forma não basta o comandante bater na mesa, falar alto, invocar a motivação, ou qualquer outro expediente se os seus exemplos estão em desconexão com o seu discurso.

Discurso e Ação devem seguir em estreito alinhamento. O verdadeiro líder reforça seu discurso com o exemplo e isso o faz construir AUTORIDADE, e aqui vale a ressalva, ter autoridade não é ser autoritário.

Por isso, dá próxima vez em que pensar em reclamar e atribuir os seus insucessos aos membros da sua equipe, olhe para si, olhe para as suas ações, olhe para o seu exemplo.

Como disse um ex-chefe, “quando o líder senta, a equipe deita”.

Cuidado com o seu exemplo, ele vale para o bem, e para o mau também.

Grande abraço, ótimas vendas!

Leonardo Lopes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *